1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.
  2. Remover anúncio

Mudar de carreira

Discussão em 'Programação' iniciada por Ivo_R, 22 de Setembro de 2016. (Respostas: 46; Visualizações: 4329)

  1. Hey pessoal, gostava de ter algumas opiniões e ideias.

    Eu neste momento tenho um trabalho estável na área do design gráfico, não tenho curso universitário na área, tudo o que fiz foi trabalhar para o mesmo, no entanto sempre tive uma paixão enorme pela programação, tanto tive que nunca deixei de programar, sempre que pude fazia cursos na coursera, ou passava mesmo imenso tempo a testar e a tentar coisas novas, uma constante exploração.

    Não me sinto mal no meu trabalho, adoro o que faço mas cada vez mais a programação cresce em mim, e não sou um completo "newbie", ja fiz freelancing como programador web inclusive já estive empregado a fazer design e programação web, tenho imensos projectos que fui criando, muitos deles são apenas testes mas que aprendi imenso com eles, eu vejo que existe imenso trabalho ligado ao desenvolvimento de aplicações para android, e penso que isto vai durar.

    Já fiz algumas apps, não publicadas em android, das quais gostei imenso do resultado, poder criar e combinar REST Api para popular as minhas aplicações com informação foi fantástico, ou simplesmente passar horas a ler a documentação da google e livros de java que tenho por casa é algo que da gosto.

    Infelizmente não posso ir para a universidade, o meu trabalho ocupa o dia todo e não tenho como pagar, visto que tenho imensas despesas ao fim do mês, sei que posso continuar na minha busca e exploração de conhecimento, visto que hoje em dia, apenas não aprende quem não quer, temos toda os dados a nossa disposição, no entanto todos os anúncios que vejo pedem sempre alguma formação na área, foi por isso que pensei em encontrar um curso dentro das minhas possibilidades.

    Encontrei este curso na Flag
    http://www.flag.pt/oferta/especiali...plicacoes-para-android-lisboa-manha-20161012/

    Achei o tempo do curso um pouco curto para aprender tudo aquilo, é essa a razão que fico um pouco com o pé atrás.

    Os empregadores olham para este tipo de curso com boa cara? Ou este é mais um daqueles cursos só para encher e não vale o tempo? Seria isso uma boa opção? Gostava de ideias e sugestões que me pudessem ajudar, sempre fui autodidacta e com imensa vontade de aprender, penso que me ia adaptar bem no curso, no entanto não quero estar a seguir algo que depois possa não dar em nada.
     
    Última edição: 22 de Setembro de 2016
  2. Agradeço a sugestão.
     
  3. st_lunatic

    st_lunatic Power Member

    1200€ é o valor das propinas de um ano... Na minha opinião, se é para investir mais vale fazeres um esforço maior e tirar um curso superior.

    Fora isso, sugiro que publiques uma das tuas Apps na store (especialmente a ir buscar dados REST) e que comeces a enviar CVs para a área de Android, caso decidas mesmo mudar de carreira. Acredito que apesar de não teres curso irás conseguir uma oportunidade, até porque já trabalhaste na área de web, terás uma app na store e tens experiência em design (talvez até possas fazer as duas coisas) que dá sempre jeito na área de mobile.
     
  4. A razão de não estar já a pensar no curso é pelo simples facto que estou a trabalhar o dia todo, muitas das vezes tenho de fazer mais horas e não tenho como deixar o trabalho actual para ir para a universidade, penso que isso vai ocupar o dia todo, a única alternativa era deixar o trabalho que tenho e procurar um part-time (largar o meu trabalho actual não me parece muito viável, era uma péssima jogada) e ir para a universidade, por esta razão é que estava a pensar neste curso da Flag na esperança de me dar um impulso, vale assim tão pouco? É que não estou a tentar fugir ao trabalho que vou ter, não se trata disso, é mesmo devido a minha vida neste momento. Obrigado pela tua opinião!
     
  5. fUrian

    fUrian Power Member

    Boas,

    Eu tenho formação em eng. informática e fiz o curso de iOS da flag. Gostei bastante da experiência. Se já deste uns toques em programação, parece-me uma boa abordagem.

    Convém é teres portfolio (leia-se apps na stores) quando fores a procura de trabalho senão es capaz de ficar atras dos recem licenciados.
     
  6. Obrigado pela sugestão, acho que vou mesmo tentar o curso da Flag, não tenho nada a perder neste momento.
    Também estou a pensar fazer os cursos da curserea com o certificado (fiz alguns mas nunca paguei o certificado, sempre fiz as free lessons, aprendi imenso com os cursos, são fantásticos), no entanto não sei como é que esses cursos são vistos pelo mercado de trabalho, alguém com opinião sobre o assunto?
     
  7. snoopy21

    snoopy21 Power Member

    A Universidade Aberta tem curso de Informática em regime de e-learning.
     
  8. Não tinha conhecimento disso, vou já investigar, Obrigado!
     
  9. cconst

    cconst Power Member

    @Ivo_R:
    Não sei de onde és, mas no ISEL (em Lisboa) existe a possibilidade de fazer Unidades Curriculares isoladas. Isto quer dizer que se reunires as condições necessárias para a sua frequência podes candidatar-te e fazeres as cadeiras que achares pertinentes uma a uma e possivelmente em regime pós laboral (aulas começam a partir das 18h30).

    Podes ver mais sobre isto aqui: https://www.isel.pt/candidatos/candidaturas/unidades-curriculares-isoladas

    Como o ISEL tem, possivelmente outras faculdades/institutos podem ter este tipo de solução. É uma questão de procurar.

    Não sei se estas Unidades Curriculares Isoladas contam como CETs. Se contarem é bom, pois caso venhas a ter a possibilidade de ingressar num curso superior já tens os créditos obtidos por essa via (isto tem que ser confirmado, pois eu não sei se será assim!!!!).

    Abraços e boa mudança!
     
  10. Death_Knight

    Death_Knight Power Member

    As unidades curriculares isoladas são, unidades curriculares isoladas. Não contam como CETs, nem percebi a lógica de contarem como CETs.

    Podes-te matricular nas unidades isoladamente e depois se no futuro ingressares na licenciatura tens essas cadeiras feitas. No meu caso fiz o oposto, como no último ano me faltava pouca coisa para acabar o curso, inscrevi-me nas cadeiras que faltavam como unidades curriculares isoladas e paguei menos de 50% do valor anual das propinas.
     
  11. cconst

    cconst Power Member

    Era isso que não sabia se funcionava dessa forma ou não. Mas faz sentido que assim seja: está feita... logo se ingressares num curso, conta para o total das CETs que tens que fazer (caso essa unidade pertença ao plano de estudos do curso em questão ou tenha equivalência se for noutro instituto).

    Ainda assim não deixa de ser uma opção para o @Ivo_R. Desta forma ele pode ir-se formando... se chegar a ter possibilidade para se inscrever, já tem algum do trabalho feito.

    Abraços
     
  12. st_lunatic

    st_lunatic Power Member

    A minha opinião sobre esses cursos é que são bons para quem não tem força de vontade/interesse/gosto por aprender sozinho. O que te vai tornar empregável é o teu portfolio e capacidade que demonstrares em aprender. Pelo que li, eu acredito que publicando algumas das tuas apps na store irás conseguir uma oportunidade mais tarde ou mais cedo como referi anteriormente.

    No entanto se tiveres um bom formador podes ficar exposto a boas práticas e alguns truques que geralmente as pessoas self-taught não adquirem tão rapidamente e também ganhas no aspecto de networking pessoal. Se fosse eu, pelo percurso que já apresentas e pela relação valor/duração do curso na flag, eu não o escolheria e começava a submeter apps e enviar cvs como portfolio.
     
  13. flaviorodrigues

    flaviorodrigues Power Member

    Eu recomendo-te para aprenderes programação de forma "facil" e intuitiva a pluralsight, se procurares tens forma de ter 3 meses gratuitos legalmente até para ver se gostas!

    Tens tambem faculdades / institutos que tem formação pos laboral em certas areas como mobile. Recomendo tambem publicares a app na store e mesmo fazeres mais e colocares no teu CV. Sinceramente na minha opinião arranjas mais rapido emprego com a tua exp e com umas apps na store que se fores licenciado sem qualquer exp.
     
  14. fUrian

    fUrian Power Member

    Subscrevo ao que o @flaviorodrigues disse.

    Eu pessoalmente uso pluralsight e code school com bastante assiduidade.
     
  15. Obrigado pessoal, tenho aqui imensas sugestões e ideias que certamente me vão ajudar na minha mudança.

    Vou tentar saber mais sobre os cursos pós laborais nas universidades, no entanto tinha de ser algo que ia fazendo pq neste momento não era viável estar a espera +/- 4 ou 5 anos para ingressar no mercado de trabalho, tenho aqui algumas opções e penso que é possível fazer muitas delas simultaneamente.

    Neste momento não devem de existir vagas para entrar na universidade, mas é algo que vou verificar, vou inscrever-me no site da pluralsight e vou fazer os 2 cursos de android que estão na curserea (com os certificados), penso que seja algo que posso ir adicionando ao CV. Vou também criar Apps para o meu portefólio e colocar na store como sugerido, sinceramente acho que é possível fazer esta mudança, desde que consiga mostrar aquilo que consigo fazer.

    Algo que me preocupa, é como já foi referido sobre estar exposto a boas práticas, realmente uma pessoa self-taught não consegue adquirir isso tão rapidamente, qual é que acham a melhor maneira de conseguir adquirir essas boas práticas ?

    Novamente um grande Obrigado!
     
  16. aries23

    aries23 Power Member

    Na área de programação infelizmente grande parte das empresas procuram licenciados e sem uma licenciatura limite bastante as oportunidades de carreira cá em Portugal. :( Há sempre empresas que contratam não licenciados mas podem pagar pouco e não ter muita progressão.

    Existe o regime de frequência parcial nas faculdades, ou seja, podes optar por fazer metade das cadeiras por semestre e assim é mais soft. A meio do curso ou mais para o final também podes ir começando a trabalhar como programador, há empresas que aceitam isso. E depois, em algumas faculdades o último semestre consiste no estágio.

    Esses cursos de Flag podem parecer bonitos mas pelo que vi o mercado pode não valorizar muito, especialmente se não tens licenciatura. A licenciatura para muitas empresas é um requisito absoluto. Muitos clientes dessas empresas também procuram licenciados; e depois a licenciatura é bastante acessível cá em PT em termos de preço (comparado com lá fora) que vão haver cada vez mais licenciados no mercado e quem não tem e que começa agora pode estar em desvantagem.
     
  17. flaviorodrigues

    flaviorodrigues Power Member

    Não concordo no caso dele, falamos de alguém que já trabalha numa área bem próxima de informática. Estou certo que facilmente consegue trabalho em programação, bastando para isso mostrar algo feito. Tenho um colega que foi contratado só com o 12 ano, trabalhou em IT mas não em desenvolvimento puro e fez uma app movel, mostrou na entrevista e foi contratado!
    Recomendo continuares a trabalhares onde estas, vai vendo os videos no pluralsight e noutros sites (não compres os certificados pagos que duvido q alguem de mais valor por isso), faz é apps e não tenhas medo de as indicar no CV e na entrevista! Se gostas de design tenta parte de frontend dev.

    Vais indo as entrevistas e vês e visto q trabalhas podes ir vendo ate encontrar algo que gostes!

    P.S: Claro que se puderes fazer ao mesmo tempo a licenciatura em Pos-Laboral mal não faz!
     
    Última edição: 26 de Setembro de 2016
  18. fUrian

    fUrian Power Member

    Relativamente às melhores prácticas, a formula que uso para pesquisar no google é a seguinte:

    Github "a tua linguagem de programação ou framework" best practices.

    Ex: github android best practices (escolhe o resultado da futurice :) )
     
  19. Nock

    Nock Power Member

    E usando também o github, trabalhar em projectos open source, fiz há pouco tempo o meu primeiro pull request para um e que apesar de por agora nao ser feito o merge com branch master do projecto, foi interessante conhecer o code base de um projecto externo e ver a lógica e até mesmo coisas como a formatação do código. E testes, neste caso era um projecto em javascript e até hoje nunca em nenhum projecto que tinha trabalhado tinha visto como se construia testes para componentes em JS, também foi util nesse aspecto.
     

Partilhar esta Página