1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

O meu iPhone

Discussão em 'Apple Geral' iniciada por spranto, 16 de Março de 2008. (Respostas: 93; Visualizações: 14322)

  1. spranto

    spranto Power Member

    Caros Srs,

    Achei por bem dividir a review por quatro partes:
    I - Introdução
    II - iPhone exteriormente
    III - iPhone por dentro
    IV - Conclusão

    I - Introdução

    Depois de muito ler acerca do que é o iPhone e várias opiniões dos vários utilizadores acho que falta aqui neste sub-fórum mais partilha de ideias e menos discussões acerca de questões legais. Como tal começo por partilhar alguns "toughts" acerca desta maquineta interessante e espero que sigam o meu exemplo para que os tópicos acerca do iPhone deixem de ser tão enfadonhos.

    Nunca fui grande apreciador de Macs, dos poucos minutos que trabalhei com eles nunca me cativaram o suficiente. Achei sempre que não era mais do que uma marca que vende produtos a pseudo-geeks que procuram evidenciar-se sobretudo pela imagem e pelo hipotético "saber superior" que deixa qualquer um dos mortais fora do alcance dos Macs.

    [​IMG]

    Quando neste verão o tão esperado iPhone saiu e vi alguns filmes na página oficial em que explicavam como fazer certas coisas com o telefone pensei: "Mais uma maquineta para geeks". E fiquei profundamente convencido durante alguns meses que seria a continuação de toda uma história por mim já conhecida. Até que...

    Um amigo meu foi de férias aos "States" e trouxe uma coisa destas. Bem que o via maravilhado, pela tag no MSN, até que me encontro com ele e lá lhe pedi o brinquedo para experimentar. Não é que quando agarro naquilo começo a mexer daqui para acolá, a carregar aqui a carregar ali pensei: "Épah era mesmo como vi nos filmes da apple.com". Fiquei apaixonado na altura. Foi a primeira vez que algo feito pela Mac me seduzira, não tanto pelo aspecto exterior mas pela facilidade e "intuitividade" (acho que esta palavra existe :) ) de utilização. Pois bem a partir desse dia tinha que ter um.

    [​IMG]

    Mais tarde, também tive a felicidade de ir aos "States" e como é óbvio dirigi-me à loja Apple e lá comprei o "bicho". Paguei com Visa, já que para iPhones é o único método de pagamento aceite, e pediram-me o mail para onde mandaram a prova de compra para efeitos de garantia. Vinha numa caixa de cartão onde trazia: carregador (ficha americana), cabo USB, docking station, pano para limpar o ecrã, alguns panfletos e claro o iphone. Não tenho fotografias porque como devem entender achei melhor deixar lá nos "States" a caixa. Se fizerem o mesmo recortem o imei e no de série da cx pode dar jeito.

    Pois bem cheguei cá no dia 2/1 meio jet-lagado ainda fui pôr isto à carga. Depois de dormir uma bela sesta queria começar a brincar com isto e estava totalmente bloqueado. Investiguei e cheguei à conclusão que estava "jailed". Usando perícia, engenho e saber (tudo isto é tanga, foi mais coragem que outra coisa qualquer) lá ficou "jail broken".

    II - iPhone exteriormente

    Neste momento tinha um iPod Touch na mão era espetacular. Primeira coisa que tentei fazer foi livrar-me dos aucultadores que vinham de origem. São piores que o mau! Caem-me das orelhas, não têm baixos, deixam passar o som nos dois sentidos. Resumindo: PÉSSIMOS! Fui buscar os meus auscultadores que usava para ouvir música, que estão longe de aproveitarem o potencial musical do iphone sempre dão uma grande coça nos de origem quando reparei que que não encaixavam. Isto acontece porque a entrada no iphone é diferente da mini-jack, logo quem quiser usar auscultadores que não sejam os de origem não tem outra hipótese senão comprar um adaptador. Convém terem em conta que há um botão, por acaso muito útil nos auscultadores de origem que dá para atender e desligar chamadas bem como fazer pause/play e forward (2x click) quando se ouve música.

    Quem quiser dar uma vista de olhos em algumas das muitas soluções dê uma vista de olhos aqui: http://theappleblog.com/2007/08/30/iphone-headphone-adapter-roundup/

    Eu comprei o da Rad-Tech já que era o que me pareceu melhor para além de ser o mais barato. Fui à pagina deles e aproveitei para encomendar um protector de ecrã e uma capa de borracha para proteger relativamente a choques. Ficam aqui umas fotos:

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]


    Há que notar que nas fotos os reflexos denunciam riscos que não se veêm a olho nú, logo o iphone está mais estimado do que parece. Quanto à capa de plástico é de gosto duvidoso para alguns, para mim é foleira, mas faz bem o seu trabalho e quando estou em público não chama atenções não desejadas. Agora estava nas 7 quintas onde podia ouvir a minha música aproveitando o potêncial todo do iPhone.

    Dado a um pedido aproveitei para tirar fotos para mostrar como ocidentalizei o carregador. Nada mais simples do que tirar o macho "nariz de porco" que os americanos usam e colocar um cabo que normalmente os carregadores de baterias de máquinas fotográficas trazem. Ficam aqui umas quantas fotos para exemplificar como o fiz:

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    É uma pena pois até o carregador é uma peça de design, mas nem quero imaginar quanto custaria uma peça para substituir a ficha americana. Solução grosseira mas barata. NOTA: Como o carregador suporta voltagens de 110V-240V mudando só parte física será suficiente para o fazer funcionar no nosso país.

    III - iPhone por dentro

    Como esta é a parte em que há mais para falar acerca do iPhone decidi por bem dividir esta secção identificando o tema a ser revisto pelo respectico icone.


    [​IMG]


    Pois bem, estava como já disse com um iPod Touch mais caro e maior sem ainda ter as funcionalidades de telefone. Logo havia que espremer o sumo todo que ele tinha para me dar. Comecei a juntar a minha coleção de música que tinha em FLAC, APE, WAVEPACK e claro em mp3. Instalei o itunes, que no meu entender tem um interface complicado e não fácil perceber como funcionam certas coisas mas isso é outra conversa, que vai servindo servindo para sincronizar músicas e contactos com o iPhone.

    Infelizmente descobri o iphone não é compatível com nenhum dos formatos lossless que tinha na minha biblioteca. Para contornar este problema usei um programa muito bom que tem utilização grátis que é o: dBpoweramp

    Instalam e depois de seguida instalem os codecs, também gratuitos, para converter todos os formatos lossless que têm em m4a. Não se esqueçam de tirar as seleções pré-definidas já que aí têm software com limite de 30 dias. Há outras soluções para esse software, ver foobar. Ainda estou para perceber se há perda de qualidade, mas julgo não haver já que a conversão é de lossless -> lossless. Também tinha algumas imagens logo usei o conhecido CUE Splitter que também é freeware.

    Agora tinha tudo para sincronizar, acrescentei à bilbioteca do itunes, mais clique ali menos clique acolá e lá foram parar as músicas ao telefone. Mas quando dou por mim não tinha o coverflow a funcionar. Apareciam as capas todas pretas. Tentei ir buscar as capas pelo iTunes mas nada até que pesquisei um pouco e descobri um programa que associa capas aos ficheiros: Mp3tag. É de fácil utilização e até dá para editar os nomes dos ficheiros indo às free databases que existem por aí fora nesta grande internet, ficando assim este belo resultado:

    http://www.youtube.com/watch?v=isUTxLFNljI

    Um resumo dos programas a instalar. Já devem haver versões novas e melhoradas mas devem fazer o mesmo que estas fazem e mais.

    [​IMG]


    [​IMG]


    Pois bem agora só faltava ter o telefone a funcionar. Andei a ver várias maneiras de o pôr a funcionar mas nada. A única solução seria comprar um xSim para emular o meu cartão como se fosse um AT&T. Decidi esperar já que esta solução me parecia estar longe do ideal. Até que no dia 8/2 apareceu a milagrosa solução.

    Instalei o "patch" através do Installer demorou ainda uns belos 15 min e depois voilá. Já havia rede. Agora todo este processo está mais fácil graças a vários Srs, nomeadamente um chamado Zibri, podem dar uma vista de olhos aqui: Ziphone
    Todo este processo é automático e "out of the box". Telefonei e achei que o som era um bocado baixo e distorcido. Pois só podia, já que não tinha tirado o plástico. Já falei com mais pessoas e esquecem-se sempre de o tirar e começam a culpar o telefone, mas nada que não se resolva ao fim de uma chamada.

    Já tive vários Nokias desde o 2110i por isso vou basear as minha comparações com base nos telemóveis que fui tendo mas sobretudo face ao meu último telefone o E65 e comparativamente ao SO Symbian. As minhas primeiras impressões desde que comecei a usar o iPhone, também como telefone, foram aceitáveis. Não estava à espera de som de chamada 5.1 DTS, mas tem um som satisfatório claro e encorpado. Talvez por ter mais espaço a Apple deve ter apostado num auscultador maior do que o mais miniaturizado Nokia E65. Tem um bom speaker para mãos livres e também um aceitável microfone. Para o usar com mãos livres posso estar a um bom 1/2m a 1m de distância que a comunicação nos dois sentidos é bastante perceptível.

    Os contactos são acessíveis com mais alguns toques no ecrã do que no Nokia, o que não acho que seja muito interessante, já que quando se tira o telemóvel do bolso 90% das vezes ou se faz uma chamada ou se recebe uma chamada. Para surfar nos contactos utiliza-se o dedo para percorrer as letras do alfabeto onde estão os contactos devidamente agrupados. No caso dos M's, onde tenho muitos Mários e Marias para chegar ao Monteiro tenho de os correr a todos. No Nokia bastava escrever "Mo" e não tinha que percorrer todos os outro. Se bem que fazendo 2x clique na tecla central e dependendo da configuração salta logo para os contactos favoritos. Aqui sim, parece-me bem não haver limite de inserções para os contactos favoritos. Isto vai ser revisto na próxima actualização, já que ao que parece houve uma "leak" na última apresentação: http://www.engadgetmobile.com/2008/03/11/contact-search-in-iphone-firmware-2-0/

    A recepção de chamadas é fabulosa. Aqui vê-se que a Apple, explorou todo o potêncial do grande ecrã do iPhone, onde e quando definida a fotografia associada ao contacto aparece em grande plano. Fica aqui um exemplo em baixo.

    [​IMG]

    O iPhone começa aqui a demonstrar algumas falhas que tem. Esta para mim é medianamente grave que é o facto de não dar para fazer grupos de contactos. Isto implica que se tenha de atribuir o tom de toque individualmente a cada um dos contactos já para não falar do envio das SMS's. Outra das falhas que tem é relativamente ao registo dos contactos. Não temos um contador individual para cada chamada mas sim só um total, apesar de durante a chamada haver um contador activo.


    [​IMG]


    Os SMS's pelo contrário são acessíveis logo ao premir um botão. A sua apresentação é em modo de conversação tipo Messenger.

    [​IMG]

    Para alguns pode parece absurdo mas para mim não me fez confusão e até achei a ideia agradável. O que não achei agradável foi o facto de não haver hipótese de receber relatórios de entrega, senão se se escrever no início da SMS *not#, ou seja pedi-lo ao operador de uma forma manual. A opção de mandar SMS para múltiplos destinatários só surgiu aquando o update para o firmware 1.1.3, felizmente colmatando esta falha. Há alguns programas que dispõem as SMS's de uma forma singular para quem preferir, no entanto eu dispenso.

    FALHA GRAVE: O iPhone não manda nem recebe MMS. Isto sim é um erro bastante grave por parte da Apple que consiste em lançar, pelo menos para a Europa, um telemóvel sem suporte para MMS. Eu não tenho por hábito usar MMS's, mas esporádicamente mando um ou outro. Para resolver este problema há um programa: Swirly MMS em que com a última versão v.0.3 já deverá para receber MMS inclusivé. Como com a versão de firmware 1.1.3 deu incompatibilidades com a versão v.0.2.2 desinstalei e não voltei a usar. Quando reactivar os MMS logo actualizo o procedimento.


    [​IMG] & [​IMG]


    Estas duas aplicações aparecem em grande destaque no home screen do iPhone. É discutível mas aceitável a sua colocação directa ou invés de outras aplicações que pudessem ser mais úteis, nomeadamente números de telefone. Qualquer discussam desvanece-se quando saiu o firmware 1.1.3 dando a hipótese ao utilizador reposicionar os icones no ecrã.

    Quanto às acções, são aquelas que estão em http://finance.yahoo.com , as cotadas americanas tanto na NYSE como DOW estarão lá todas ou pelo menos grande parte delas. Acontece o inverso às portuguesas em que neste caso não há grande escolha. Temos a opção de escolher entre vários horizontes temporais e de saber se o título está literalmente no verde ou vermelho. Fica aqui um exemplo:

    [​IMG]

    Relativamente ao tempo à semelhança do que temos para as acções temos também a informação vinda de http://weather.yahoo.com/ . Tem bastantes cidades portuguesas, pelo menos em quantidade satisfatória. Quanto à precisão nem vale a pena falar sobre isso porque há quem ainda ache que a metereologia seja uma ciência exacta. Fica aqui um exemplo:

    [​IMG]

    NOTA: Há a possibilidade de escolha de unidades entre ºF e ºC, neste caso acima está em ºF.


    [​IMG]


    Esta "widget" aqui é fabulosa. Poucos se lembrariam pôr um "link" directo no home screen de um smartphone para o youtube. Aparecem logo assim que se clica no icone os "Featured Videos". Dão-nos a hipótese de escolher entre os "Most Viewed", os nossos "Bookmarks", há uma hipótese de fazer "Search" e de ver o histórico. Em qualquer uma destas opções há sempre um preview de quatro dos filmes, estático e com alguma informação dos filmes tais como: título, rating, views, duração e autor. Como já foi dito anteriormente o Iphone tem um bom speaker, logo dá perfeitamente para vere ouvir qualquer filme no youtube e perceber claramente o que é dito.

    [​IMG]

    Um dos defeitos desta "widget" não é nada mais nada menos do que passar o ecrã automáticamente para wide. O que pode ser uma vantagem para alguns para mim é estranho dado que o faz no sentido anti-horário quando eu, e se calhar a maior parte das pessoas, roda o iPhone no sentido horário.

    [​IMG]


    [​IMG]


    Pois bem a Apple oferece-nos uma calculadora simples. Não se poderia esperar mais de uma calculadora que não fazer as quatro operações aritméticas. Para alguns chega, para aqueles que não acham suficiente sempre têm as emulações das calculadoras da programáveis da HP que se encontram no Installer.

    Fica aqui o exemplo da máquina de calcular do iPhone ao lado de uma da Braun. Há quem diga que a Apple anda a roubar as ideias que os designers da Braun tiveram nos anos 70/80. Tirem as vossas conclusões, mas isso é outra guerra.

    [​IMG]



    [​IMG]


    O iTunes no iPhone é uma réplica miniaturizada, do iTunes para o PC ou MAC. Não muito a dizer para além de haver a possibilidade de comprar músicas através do telefone. Um conceito inovador do meu ponto de vista.

    Aproveito para falar do iTunes para PC, como já tinha dito anteriormente, não acho que seja fácil de usar. Transporta a filosofia MAC para o PC, e quem não está habituado a isso pode ver-se em situações complicadas que tenham de ser resolvidas com uma pesquisa no Google. Há uma coisa que me agrada no iTunes que é a sua capacidade de fazer backups. Vão ao mais infímo pormenor incluido a lista das últimas chamadas feitas e recebidas, sendo este aspecto um dos mais positivos do iTunes.


    [​IMG]


    O relógio do iPhone é fabuloso. Tem as funcionalidades mais básicas que outros aparelhos têm, mas destaco a hipotese de configurar vários despertadores com a periodicidade desejada. Ideal para mim já que durante a semana não tenho aulas todos os dias à mesma hora. Espetacular é o acerto dos despertadores já que esta maneira faz lembrar uma slot machine. Um defeito que o relógio tem é não poder ser acertado sem ser através do iTunes.


    [​IMG]


    Nada a dizer acerca desta widget. Um sítio onde se guardam notas.


    [​IMG]


    Os mapas do iPhone são mais uma vez uma miniaturização do que se pode encontar online. Neste caso em Google Maps. Temos três vistas, Terrain, Hibryd e Mapas nada de mais a assinalar. A partir da versão 1.1.3 há a hipotese de pedir ao operador a localização, infelizmente comigo não funciona, logo não me posso pronunciar se será de grande utilidade ou não. POdemos também pedir as direcções de um sítio para outro. Comparando esta funcionalidade com um GPS não me parecerá que seja um combate justo, para o iPhone claro.


    [​IMG]


    A qualidade das fotografias tiradas pela câmera é bastante boa, apesar de esta só ter 2MP. No entanto esta falha quando há falta de luz, logo um flash seria bastante interessante talvez numa próxima actualização do iPhone.


    [​IMG]


    Aqui é onde ficam guardadas as fotos tiradas ou as que queremos visualizar sincronizando com o iTunes. Temos a hipótese de as enviar por email (faltam aqui os MMS) e claro que para passar de um foto para outra basta deslizar o dedo. Se a foto está em landscape, basta rodar o telemóvel e automáticamente ajusta-se ao ecrã. Uma das melhores coisas que o iPhone tem.


    [​IMG]


    Aqui temos a agenda que pode ser sincronizada com o Outlook. Também aqui os horários são acertados com base na ideologia das slot machines. Para além de tudo o que o Nokia tem, há a hipotese de configurar dois alarmes para cada evento. Coisa bastante útil do género de tocar logo de manhã para lembrar que durante o dia é preciso fazer algo e voltando a tocar mais perto do evento marcado na agenda. Gostava de ter mais do que um calendário, infelizmente só tem um.

    FALHA GRAVE: Não há maneira de sincronizar o telemóvel com o PC sem ser através do cabo. Achei por bem só falar agora neste grave handicap que o iPhone tem já que não acho que seja exigivel que se sincronizem músicas por bluetooth ou wireless, mas acho que é imperdoável que não haja sincronização de contactos e agenda.


    [​IMG]


    Aqui podemos ver literalmente o e-mail. Quando lá carreguei pela primeira vez pensei que fosse um link para um dos vários webmails que lá aparecem, mas não. É um mini cliente de e-mail que faz o download destes para o telemóvel. Já existem uns quantos pré-configurados onde só é preciso pôr o username e password, mas também já consegui configurar o e-mail da netcabo. Fi-lo antes de reparar que através do iTunes podes-se sincronizar as configurações do Outlook.


    [​IMG]


    De longe o melhor browser que encontrei num equipamento de tão reduzidas dimensões. Houve pouquissímas páginas que tenha visitado que não fossem compatíveis com o iPhone. Quando digo compatíves, digo utilizáveis já que não há flash para o Safari. Julgo que já li que a Adobe está a tratar disso, logo aquando a saída da versão 1.2 já haja solução para este problema. Podemos guardar bookmarks e utilizar mais do que uma página ao mesmo tempo, coisa para mim fundamental



    Achei por bem deixar aqui as minhas conclusões finais acerca do iPhone. Se me perguntassem quais seriam os prós e os contras responderia assim:

    Prós:
    - Interface revolucionário
    - Facilidade de utilização

    Contras:
    - Um E65 faz o mesmo e mais (e melhor) por 200€

    Há que lembrar a todos os eventuais compradores de um iPhone que das duas uma: ou o compram numa ida aos EUA e pagam o valor dele por lá que se cifra nuns módicos 399$*8.85%(NY)=~434$ <=> 273€ (1USD=1.59€) ou então esperam que seja lançado em Portuagl. Quanto ao lançamento aqui em Portugal não espero que seja muito diferente daquele que foi feito na Irlanda. Para terem a noção do que deverão pagar deixo aqui o tarifário que lá é aplicado aos orgulhosos donos de um iPhone:

    [​IMG]

    Tendo em conta um tarifário de obrigatoriedade de permanência de 24 meses (já que é o costume aqui em Portugal) teremos que ao fim deste período de vigência pagar a módica quantia de: 1080€. Há que não esquecer que o equipamento custa na Irlanda nada mais nada menos que 499€ o que nos vai obrigar a desembolsar: 1080€+499€=1579€

    Com 500€ vamos de TAP até NY e compramos um iPhone por 273€, resta-nos mais do que dinheiro para visitar o Empire State Building e comprar relógios contrafeitos em Canal St e uma camisola da Gant na 5th Avenue. E quem sabe comprar uma PDA da Asus ou da HTC.

    Até ao dia em que a Apple tirar o cinto de castidade do iPhone para mim não restam mais do que duas opções ou se compra "lá" o iPhone ou então não vale mais do que isso. Se bem que nesse dia também me dê que pensar: posso fazer o download de um album em FLAC ou APE de borla, porquê pagar por um album do iTunes com 128KBits por >10€? Será que não se passará o mesmo com as tais chamadas expansões oficiais? Será que não haverão alternativas para fazer honrar o trabalho feito pelos artistas numa relação preço/qualidade mais favorável entre ambos?

    Espero que tenham gostado da primeira review escrita em Português. Acredito que tenha sido difícil de lêr por parte dos Mac-Maniacos mas acreditem que não fui pago por ninguém e só estou aqui a exprimir o que vi e o que sinto e o que experienciei acerca deste suposto "telefone esperto".

    Não me mandem mais PM's a perguntar como se deve ludibriar a alfândega. Para além da vossa criatividade faço um apelo ao vosso bom senso e sobretudo aqueles que ainda estão estão à espera do tal "iPhone 3G". Esperar é típicamente tuga. Para dizerem mal do iPhone comprem um! Se bem que digo o seguinte:

    MILLION DOLLAR QUESTION: "Hoje comprávas o iPhone?" - R: Sim! :)

    A mensagem que em tempos escrevi parece-me que não passou da maneira que estava à espera, de qualquer das maneiras deixo-a aqui como fundamento daquilo que escrevi:

    "Estou a falar do meu iPhone, mas gostava que vissem este espaço como o do "Meu iPhone", um espaço para troca ideias, para mostrassem o "Meu iPhone", para darem dicas, "postassem" fotos, etc. Espero estar a passar bem a mensagem."
     
    Última edição: 29 de Março de 2008
  2. JedWar

    JedWar Power Member

    Aguardo pacientemente o resto....
    Já agora, como resolves-te a questão do carregador (americano)? Se é uma pergunta sem nexo ou mt simples, ficam já aqui as minhas desculpas....mas pronto!
     
  3. Fork

    Fork What is folding?

    eu tinha ideia que se podia carregar por uma porta USB como os iPods.
     
  4. jogregopy

    jogregopy Power Member

    E pode...;)
     
  5. Zed_Blade

    Zed_Blade Power Member

    Ó rapaz tu deves esta a comer um zoo inteiro... lol. Então e o prometido resto? :P
     
  6. mccallister

    mccallister Power Member

    Acho e vai é ficar para amanhã :P esta hora já deve é estar a dormir :zzz:
     
  7. dozy

    dozy Power Member

    Quando compraste o iPhone na Apple Store, tiveste que assinar algum contrato por causa da AT&T ? Ou pudeste simplesmente comprar o aparelho e trazê-lo para Portugal sem qualquer problema?
    As Apple Stores são Tax Free Shops? ou seja, sendo estrangeiro e apresentando o passaporte, eles descontam-te na compra ou dão-te algum dinheiro no aeroporto ao apresentares o talão tax free?
     
  8. nemesis26

    nemesis26 Power Member

    O único deito deste telemóvel é falta de 3G e GPS entregado já a câmara não conheço a qualidade senão até comprava um.
     
  9. Fork

    Fork What is folding?

    Se bem me lembro a câmera tem 2 Mega pixeis.

    Então é só trocar a ponta do carregador que tudo funciona? Pensei que a voltagem era o problema.

    Sendo esse o Problema acho que tenho a solução ideal para o meu, o meu carregador do MBP tem duas pontas uma com cabo longo e outra sem cabo. Como só uso a com cabo longo a sem cabo é bem capaz de passar para o iPhone.
     
    Última edição: 17 de Março de 2008
  10. zecapistolas

    zecapistolas Power Member

    Boa ideia, esta do "Meu iPhone", so k agora tamos à espera do resto... :lol:


    Também gostava de saber... :x2:
     
  11. gobman

    gobman Power Member

    É o que estou a pensar fazer..com o do macbook..mas verdade é que o meu ainda esta lá pelos estates na usps....tenho que esperar....talvez daqui a uma semana..comprei dois um para mim outro para a minha namrada...e como ela tb tem um ibook g4 é na boa axu eu...
     
  12. lionman

    lionman Power Member

    Correctissimo ! Basta trocar so a ponta porque o transformador e de 110-220v.

    Foi exactamente o que fiz com o meu (usar a ponta do MBP).
     
  13. Carinhas

    Carinhas Power Member


    Pagas o IVA correspondente ao Estado onde compraste o aparelho. Na Florida, por exemplo, o IVA são 6%. O normal é andar entre os 4% e os 7% existindo uns 2 ou 3 Estados onde não pagas IVA.
     
  14. spranto

    spranto Power Member

    Cuidado com os carregadores dos portáteis! Este carregador é 110-240V logo dá para usar com qualquer uma destas voltagens. Os carregadores de portáteis podem não ter essa amplitude, é uma questão de se ver.
     
  15. spranto

    spranto Power Member

    Correcto. :) Compras como se fosse outra coisa qualquer. A única exigência é ser pago com cartão de crédito.


    Bom dia, adeus e até nunca.


    Ainda tive um devaneio, mas passou-me logo. Paguei 8.375% de imposto por ser no estado de NY. Noutros estados paga-se menos. Como era um valor "simbólico" não me preocupei em tentar reaver seja lá o que for.
     
  16. Fork

    Fork What is folding?

    Ninguém vai usar carregadores de portáteis para o iPhone apenas a ponta que entra na tomada.
     
  17. spranto

    spranto Power Member

    Nem eu esperava outra coisa. Agora podem é usar carregadores de 110V em tomadas portuguesas. O que não dava grande resultado.
     
  18. Fork

    Fork What is folding?

    Isso sim é verdade, mas o carregador do iPhone funciona aqui em Portugal certo? Ou seja o carregador é compativel com 220 ou 240, já não sei o que se sa aqui.
     
  19. spranto

    spranto Power Member

    O carregador do iPhone é compatível com qualquer voltagem entre os 110V e os 240V, ou seja Portugal está incluido so tendo que mudar os contactos.
     
  20. Fork

    Fork What is folding?

    Acho que não podes por videos embeded neste forum. Põe só o link.
     

Partilhar esta Página